Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Mamã e a Xiquita

O blog que olha para a maternidade sem grandes filtros.

A Mamã e a Xiquita

O blog que olha para a maternidade sem grandes filtros.

16
Jul16

Nice... Quero um mundo melhor!

A Mamã

favicon-google.png

 Que mundo é este?

Que gente é esta?

Eu não quero um mundo assim para a minha filha.

 

As lágrimas correram-me cara abaixo quando vi as imagens de crianças mortas no chão, nos atentados de Nice.

 

Que seres humanos são estes que fazem isto?

Nem sei se se podem chamar de seres humanos. 

Esta gente não tem alma. Não tem coração. 

Não tem qualquer respeito pela vida humana!

Que mentalidade é esta?

 

Se tenho medo? MUITO!

Não quero que a Xiquita cresça num mundo cheio de ódio e raiva...

Quero um mundo pacífico.

Será que esta gente, que mata sem qualquer problema, não tem família? Será que não querem o melhor para os deles?

 

O meu coração fica pequenino ao pensar que isto cada vez vai piorar mais. Dói-me pensar que vamos viver com um medo constante, que algum "desalmado" destes se rebente, ou se mande para cima de nós com um camião.

 

Porque não fazem o bem? Porque  matam assim por crenças sem sentido?

 

Quero que a Francisca viva num mundo tranquilo, pacífico, onde não haja a violência que se vê hoje em dia...

Quero que ela possa andar na rua sem medo do próximo. 

Não quero que ela ande a olhar por cima do ombro, ou a desconfiar de tudo e todos. 

Quero que ela seja feliz, longe destas desgraças...

Infelizmente esse mundo perfeito não existe.

Infelizmente ela vai crescer no meio disto.

Infelizmente não a posso fechar numa redoma para a proteger.

Infelizmente esta gente não vai parar de fazer o mal.

 

A única coisa que posso fazer, é ensinar à Francisca os valores que quero que ela tenha, dar-lhe educação, transmitir-lhe o amor que devemos ter pelo próximo, e esperar que com todas essas ferramentas ela consiga "se virar" neste mundo que está virado do avesso.

 

Deixo aqui as minhas condolências às famílias das vítimas do atentado em Nice.

 

Independentemente das vossas crenças, se as têm ou não, peçam um mundo melhor. Pode ser que alguém nos ouça!

 

Um mundo melhor para os nossos filhos!